The Medulloblastoma Initiative quer encontrar a cura para o meduloblastoma

O The Medulloblastoma Initiative, que surgiu da vontade e perseverança do pai de uma criança que desenvolveu este tipo tumor, apoiado por médicos e investigadores norte-americanos, pretende encontrar a cura para o meduloblastoma, um tipo de cancro cerebral infantil que afeta o sistema nervoso central.

Fernando Goldsztein, empresário brasileiro cujo filho de 9 anos foi diagnosticado com meduloblastoma em 2015, criou este projeto com a ajuda do médico e investigador norte-americano Roger Packer, vice-presidente do Center for Neuroscience and Behavioral Medicine e professor da Universidade George Washington.

O grande objetivo desta iniciativa, que teve um financiamento inicial de três milhões de dólares do empresário, é apoiar a investigação científica sobre este tipo de cancro pediátrico para encontrar a cura para a doença. Atualmente o filho de Goldsztein, que já tem 16 anos, encontra-se curado da patologia e tem uma vida praticamente normal.

A iniciativa, que surgiu em junho de 2021, já revela avanços promissores, visto que em junho deste ano serão realizados os primeiros testes clínicos com uma nova terapia contra o meduloblastoma nos Estados Unidos.

Atualmente, o projeto conta com a colaboração de 11 laboratórios de investigação nos Estados Unidos, Canadá e Alemanha.  O avanço das investigações e a realização dos testes, entretanto, requer um volume maior de recursos. Até o momento, a iniciativa recebeu contribuições que se aproximam de oito milhões de dólares, mas a meta é alcançar 15 milhões de dólares nos próximos meses.

Os responsáveis por este projeto apelam à realização de donativos através do site oficial da iniciativa.

Fonte: Brazil Journal

Este artigo foi úlil para si?
SimNão
Comments are closed.
Newsletter