Técnicas de imunoterapia mostram eficácia no tratamento oncológico

O recurso às técnicas mais recentes de imunoterapia para combater o
cancro tem-se assumido como uma das terapêuticas mais efectivas no
tratamento oncológico, sobretudo pelo facto de potenciar a actuação do
sistema imunológico, a fim de travar os efeitos devastadores da doença.

As conclusões surgem de um relatório recente da Universidade de Ciências da Saúde da Georgia, nos Estados Unidos. A pesquisa aponta a imunoterapia designada por CTLA4 como uma das mais eficazes, no sentido em que impulsiona e melhora, em larga escala, a actuação do sistema imunológico sobre o cancro.

O tratamento em questão tem como alvo terapêutico duas proteínas que, quando se fundem, inibem a actuação do sistema imunológico no combate ao tumor, impedindo a activação das células de defesa.

A imunoterapia CTLA4 actua, assim, contra essas duas proteínas em questão, impulsionando o sistema imunológico do doente a combater as células tumorais.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter