Investigadores da Universidade de Alberta, no Canadá, acreditam ter sido capazes de identificar uma variante genética que aumenta o risco de perda auditiva em crianças com cancro tratadas com um fármaco quimioterápico amplamente usado: a cisplatina. Utilizando modelos baseados em células, uma equipa de investigadores 
Ler mais
Cientistas do Children’s Hospital Los Angeles, nos Estados Unidos, avaliaram fatores associados ao desenvolvimento de perda auditiva em doentes oncológicos pediátricos tratados com quimioterapia. A investigação analisou crianças com idades entre os 0 e os 14 anos, e adolescentes e jovens adultos com idades entre 
Ler mais
Uma nova pesquisa sugere que a perda auditiva severa em sobreviventes de cancro infantil pode estar associada a déficits neuro-cognitivos, independentemente do tipo de terapia a que os pacientes foram sujeitos. Investigadores do St. Jude Children’s Research Hospital analisaram de que forma a perda auditiva 
Ler mais