O status da doença residual mínima (DRM) descreve a quantidade de células cancerígenas que podem ser encontradas no corpo após o tratamento e pode fornecer informações importantes para o prognóstico e planeamento do tratamento para pacientes pediátricos com leucemia linfoblástica aguda (LLA), explicou o Dr. 
Ler mais
Newsletter