Reverter processo celular pode ser nova estratégia de combate ao cancro

Um novo mecanismo de activação de genes silenciados foi recentemente identificado por cientistas norte-americanos, o que faz antever a possibilidade de desenvolver novas terapêuticas eficazes no combate ao cancro.

Pesquisadores do Centro de Cancro Fox Chase, nos Estados Unidos, admitem ter descoberto uma forma de reverter o processo de metilação, o qual é utilizado pelas células para desactivar alguns genes, sendo também uma peça-chave na progressão de alguns tipos de tumores.

Recorrendo à metilação, as células emitem sinais químicos que permitem silenciar a actuação de determinados genes, o que, no caso de genes conhecidos por suprimirem tumores, promove o desenvolvimento das células cancerígenas, segundo refere o artigo publicado na revista Cell.

Estudos em cobaias de laboratório mostraram que, revertendo o processo de metilação, através de uma proteína específica, poderá ser possível ajudar a reparar o ADN e impedir a progressão de alguns tumores, através de novas terapêuticas específicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Newsletter