Novo fármaco ajuda a reduzir níveis tóxicos de metotrexato após quimioterapia

Um novo medicamento que atua diminuindo os níveis de metotrexato no sangue após tratamentos de quimioterapia, acaba de ser aprovado para comercialização nos Estados Unidos.
O metotrexato é um medicamento usado com frequência nos tratamentos oncológicos, mais muitos dos doentes que recebem doses mais elevadas deste composto acabam por desenvolver insuficiência renal e não conseguem eliminá-lo da corrente sanguínea.
Para dar resposta a estes casos, o regulador norte-americano dos medicamentos (FDA) aprovou o Voraxaze (glucarpidase), que é administrado por via intravenosa, assumindo-se agora como uma opção de tratamento importante para prevenir as “toxicidades associadas aos níveis elevados de metotrexato”.
O medicamento é baseado numa enzima que promove uma redução drástica do metotrexato no organismo, reduzindo os seus níveis para valores que podem ser facilmente eliminados.
A aprovação do Voraxaze foi baseada num ensaio com 22 doentes no qual o medicamento promoveu a queda abrupta dos níveis de metotrexato em 15 minutos. 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter