Novartis pede aprovação da EMA para imunoterapia que se destina a tratar crianças e jovens

A Novartis submeteu um pedido de aprovação ao regulador de saúde europeu (EMA) para a sua terapia celular Kymriah, que visa o tratamento de crianças e jovens adultos com leucemia linfoblástica aguda (LLA).

O medicamento em causa foi concebido para tratar duas formas de cancro do sangue: a leucemia linfoblástica aguda em crianças e adultos jovens e o linfoma difuso de células B grandes em doentes adultos que não são elegíveis para transplante de células estaminais autólogas.
 
A imunoterapia Kymriah, que já recebeu luz verde do regulador de saúde norte-americano (FDA), visa reforçar o portfólio de fármacos oncológicos da empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.