Maior unidade de radioterapia da Península Ibérica abre portas no IPO do Porto

A maior unidade de radioterapia da Península Ibérica foi inaugurada no Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto. O novo edifício nasce com o intuito de garantir o tratamento de quatro mil novos doentes.
A nova unidade de radioterapia está equipada com dispositivos e aparelhos modernos que permitem assegurar “maior qualidade de tratamento”. O presidente do Conselho de Administração do IPO do Porto, Laranja Pontes, destaca ainda as vantagens dos novos equipamentos que minimizam os “efeitos secundários” e se destacam por uma “maior rapidez” no tratamento. 
Em declarações à Lusa, Laranja Pontes explica que a nova unidade, a maior da Península Ibérica, está pronta para receber não só os doentes da região Norte, mas também está equipada para dar assistência a doentes oncológicos de todo o país.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter