Investigadores criam gelado capaz de amenizar efeitos da quimioterapia

Queda de cabelo, falta de apetite, enjoos, tonturas e fraqueza são alguns dos efeitos secundários da quimioterapia, mas um grupo de investigadores pode ter descoberto algo que amenize esses efeitos: um gelado.
Esta novidade foi dada por investigadores da Universidade Federal de Santa Catarina, no Brasil, que trabalharam em parceria com uma fábrica de Florianópolis
O gelado, que pode ser servido nos sabores morango, chocolate e limão, funciona como um complemento alimentar.
Uma das investigadoras explicou que, por ser frio, o gelado ajuda a anestesiar inflamações na cavidade bucal que dificultam a ingestão alimentar.
No total, foram precisos 6 meses para que se chegasse à fórmula desejada pelas nutricionistas. O grande desafio foi introduzir o azeite, uma gordura de alto valor nutricional, e uma quantidade de proteína, para além das frutas e de outros ingredientes que o compõem.
O gelado já foi servido a pacientes do Hospital Universitário da instituição durante um ano, tendo recolhido uma boa aceitação, com os resultados do teste a serem positivos.
“Foi uma surpresa maravilhosa, o gelado é delicioso e minimiza mesmo os efeitos da quimioterapia”, disse uma das pacientes.
Comments are closed.
Newsletter