Investigadores britânicos unem esforços para aumentar sobrevivência de doentes com tumores no sangue

Aumentar as taxas de sobrevivência de doentes afectados com diversos tipos de tumores que afectam o sangue é um dos principais objectivos de investigadores britânicos. Para promover o desenvolvimento de novos fármacos e terapias, 13 centros de pesquisa no Reino Unido anunciaram uma investigação conjunta e comprometem-se a trabalhar neste sentido.
Farmacêuticas e hospitais públicos britânicos prometem ajudar no financiamento de novos métodos de rastreio de tumores do sangue. A investigação visa ainda o desenvolvimento de medicamentos que permitam iniciar os tratamentos numa fase precoce da doença.
Um especialista dos Hospitais da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, sublinha os benefícios desta iniciativa que, na sua opinião, permitirá melhorar a qualidade de vida e prolongar a sobrevivência dos doentes. 
A mesma opinião é partilhada por uma responsável do Cancer Research UK que garante que esta é uma boa notícia para doentes que sofrem de leucemia, linfoma e mieloma. 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter