Incluir agrião na dieta alimentar reduz risco de cancro

Um estudo britânico sugere que o agrião pode proteger o organismo do cancro, pois este vegetal possui determinados compostos que ajudam a reduzir os danos no ADN das células do sangue.

Um relatório da Universidade de Ulster, no Reino Unido, sublinha que o consumo diário de agrião, não só reduz os danos no ADN das células, como torna as células mais fortes, permitindo-lhes resistir aos danos provocados pelos radicais livres.

Num artigo publicado no American Journal of Clinical Nutrition, os cientistas britânicos salientam que as descobertas apuradas durante a pesquisa permitem considerar que o agrião é benéfico ao organismo, pois diminui significativamente o risco de cancro em diversas regiões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Newsletter