Governo reforça número de camas nos cuidados paliativos

O ministro da Saúde, Paulo Macedo, garantiu um investimento na implementação de mil novas camas nos cuidados paliativos e a criação de um cartão do doente raro. Estas medidas estão entre as novidades para o próximo ano na área da saúde.
Paulo Macedo anunciou, no Parlamento, o financiamento de camas, quer de cuidados paliativos, quer de cuidados de convalescença, com um aumento de mil unidades que fixarão um número total de camas a rondar os 7 mil. 
Durante a sua intervenção, o ministro da Saúde anunciou ainda a criação do cartão do doente raro, um projeto inovador em Portugal, que deverá começar a circular em julho.
O cartão permitirá às unidades e profissionais de saúde identificar os doentes com patologias de prevalência muito reduzida, com o intuito de garantir o seu atendimento e encaminhamento para serviços hospitalares que disponham de especialistas nestas áreas específicas.
Este artigo foi úlil para si?
SimNão

Deixe um comentário

Newsletter