Composto de planta combate células do cancro

Cientistas norte-americanos descobriram potencialidades anticancerígenas numa planta mediterrânica designada por Thapsia garganica.

Os investigadores da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, concluem que a substância tapsigargina, presente na Thapsia garganica, tem capacidade para eliminar diferentes tipos de cancro, atuando diretamente sobre a proteína SERCA, que é responsável por controlar os níveis de cálcio nas células.

A ação da tapsigargina diretamente nas células tumorais permite uma diminuição significativa da massa tumoral, bloqueando, em simultâneo, o crescimento das células cancerígenas.

Os cientistas já avançaram para a fase de testes com um fármaco experimental que tem esta substância na sua composição, designado por G202, que está a ser administrado em pacientes em fase terminal.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Newsletter