Câmara do Porto quer ajudar crianças Hospital de São João

A Câmara Municipal do Porto quer ajudar as crianças do Hospital de São João cedendo gratuitamente e durante três anos, uma ambulância que transportará as crianças dos contentores onde funciona atualmente a pediatria para dentro da instituição.

Alegando “razões de interesse público”, pois “o transporte de crianças imunodeprimidas em ambulâncias que realizam o transporte de outro tipo de doentes pode representar um risco acrescido de infeção”, o município propôs-se assim a celebrar um “protocolo de cedência de uma ambulância”, que ficará afeta aos Bombeiros Sapadores do Porto.

De acordo com o documento que será votado em reunião camarária, é “possível ao município, sem prejuízo para o atendimento das suas populações noutras áreas de intervenção, dispensar uma das suas viaturas, tanto mais que se encontra em processo de renovação e reforço da sua frota”.

“Quer a Associação de Oncologia Pediátrica do CHSJ, quer o conselho de administração do Centro Hospitalar de São João, assinalam a dificuldade que representa o transporte das crianças dentro do perímetro do próprio hospital, quando se torna necessário que sejam atendidas por especialidades não disponíveis na provisória Ala Pediátrica ou quando têm de ser transportadas a outras unidades de saúde para tratamentos ou diagnósticos complementares”, lê-se no documento.

Para o município liderado por Rui Moreira, “a constatação da degradação física das instalações provisórias dessa provisória Ala Pediátrica do Hospital de São João e as dificuldades de rápida contratação descritas pelo atual Governo levaram, recentemente, a Câmara Municipal do Porto a disponibilizar-se de novo para, dentro das suas competências, colaborar na melhoria das condições enquanto durarem os processos de contratação pública e construção”, contribuindo para “um maior conforto e qualidade do atendimento dos utentes”.

A proposta de protocolo de cedência de uma ambulância surge depois de o presidente ter dito em Assembleia Municipal, que caso o ministério não fizesse, iria comprar uma ambulância para transportar as crianças internadas nos contentores da pediatria do São João, até que a nova ala seja construída.

Comments are closed.
Newsletter

Últimas Newsletters
Ir para Arquivo