Adolescentes cortam cabelo para angariar fundos para o cancro infantil

Setembro é o mês internacional de consciencialização para o cancro infantil. Por isso, um grupo de alunas e professores da Escola Secundária Trumbull, nos Estados Unidos, celebrou esta ocasião organizando o Infinite Love’s Mane Event, um evento de doação de cabelo e angariação de fundos que irá para beneficiar a Infinite Love for Kids Fighting Cancer.
A organização criada por Jim McCaffrey, um pai que perdeu a filha devido a um rabdomiossarcoma, financia bolsas de pesquisa para o cancro pediátrico.
Quando duas alunas da escola abordaram Jim acerca da organização de um evento de doação de cabelo, o homem viu nisso uma oportunidade para envolver a comunidade e estabelecer uma meta ambiciosa de arrecadar 30 mil dólares (cerca de 25 mil euros) até ao final do mês.
“Estas jovens estavam muito motivadas a ajudar e, depois de 30 minutos a conversar, já tínhamos quase tudo planeado. Um dos focos era que o evento durasse o mês inteiro, para que o Setembro Dourado fosse o tema central”, contou o diretor da Infinite Love for Kids Fighting Cancer.
Regina, uma das adolescentes envolvidas no evento, sabe que “a pesquisa é uma componente chave para encontrar tratamentos menos tóxicos para o cancro infantil, mas isso custa muito dinheiro. Por isso, quis doar o meu cabelo, como uma forma de ajudar a financiar uma bolsa de pesquisa”.
“Como eu costumo dizer, estamos a lutar contra o cancro pediátrico, um rabo-de-cavalo de cada vez”, gracejou.
O evento conta com o apoio de todos os 15 salões de cabeleireiro que existem na cidade.
O ponto de partida foi no dia 4 de setembro, quando 8 estudantes cortaram o cabelo num dos salões; até agora, mais de 42 pessoas cortaram o cabelo em prol da causa.
“Quando eu cortei o cabelo senti uma energia inexplicável”, contou Regina, outra das organizadoras. “Foi mais do que um simples corte de cabelo, foi a minha humilde forma de honrar todas as crianças que perdem, e perderam, o cabelo durante o tratamento do cancro”.
Para Katherine, uma sobrevivente de cancro infantil, a resposta da comunidade tem sido surpreendente.
“Estou espantada e inspirada pela enorme quantidade de pessoas determinadas a arrecadar dinheiro e a fazer algo pela divulgação do cancro infantil. Temos o potencial de salvar a vida das crianças e evitar a dor que surge ao sermos diagnosticados com cancro”, disse a jovem.
Comments are closed.
Newsletter